Flavio Tavares

Flavio Tavares, é um entusiasta que acredita no poder das conexões humanas para transformar o amanhã que queremos deixar para as futuras gerações. Considerado "uma mente altamente criativa e um grande realizador", Flavio já inspirou milhares de pessoas e tem o dom de fazer líderes e admiradores repensarem a maneira como fazem negócios e a terem um olhar mais sensível em relação às pessoas. 
Ele é fundador da Welcome Tomorrow (WTW) que, muito mais do que um evento é um movimento relevante que discute o futuro com o intuito de construir empresas mais humanas, cidades mais inteligentes e uma sociedade mais justa. É uma das maiores vozes sobre propósito da atualidade. 
Lançou o livro Welcome Tomorrow pela editora Gente, e é idealizador do Instituto Parar.

  • • Em Terra de Robô, quem tem Coração é Rei.
  • • Propósito: a busca de significado
  • • O futuro do trabalho ou o trabalho do futuro?
  • • O que move você?
  • • Não é mais tempo, é mais vida ao Tempo

Em uma velocidade que mal conseguimos acompanhar. Estamos vivendo a era da imprevisibilidade, da efemeridade e da superficialidade. Nessas condições, temos, cada vez mais, nos distanciado daquilo que realmente importa. Não podemos ver o mundo com os mesmos olhos de 20 anos atrás, mas também não podemos ignorar que existe um ontem. Independentemente do tamanho da mudança, tudo sempre vai depender de PESSOAS. Não são os robôs que vão entender sobre propósitos e causas. Não são os robôs que vão se sensibilizar diante dos grandes desafios do mundo. Toda mudança começa comigo e com você. Se começa com a gente, como podemos dar mais significado para tudo aquilo que fazemos?

Qual o conceito de propósito na sua essência? Ontem, o conhecimento bastava, hoje, as empresas exigem atitude, mas amanhã o que vai importar será o propósito. Apenas pessoas e empresas que tiverem um propósito transformador vão sobreviver a esse novo mundo. Três pontos principais ajudam a explicar esse conceito: Crescer, Relacionar e Construir. O Crescer está relacionado a sua vocação e profissão, ao "o que" e ao "como" você faz. O Relacionar está conectado ao seu "porquê", à sua paixão e vontade de fazer a diferença no mundo e mudar a vida das pessoas. Já o Construir é sobre a jornada, sobre a sua resposta ao "para que". Qual a sua missão? O que você está fazendo para construir algo relevante para o mundo e, principalmente, para as pessoas que estão ao seu redor? O verdadeiro objetivo da vida não é ser feliz, mas ser útil.

Será que toda essa discussão acerca do futuro do trabalho é, de fato, pertinente? Pesquisas dizem que 85% dos empregos existentes em 2030 ainda sequer foram inventados. Se eles nem foram criados, então, como será o trabalho do futuro? As previsões indicam que até 2020, o número de empregos perdidos para a tecnologia pode chegar a 7,1 milhões. Seremos substituídos por máquinas? Os robôs vão dominar o futuro? Por incrível que pareça, mesmo com todos os avanços tecnológicos, esse novo panorama está despertando valores mais humanos na relação com o trabalho. Veremos nascer um futuro: Tecnológico e Digital, Emocional e Criativo, Anytime e Anywhere, Humano e com Significado. Você está preparado?

Mais de 9 milhões de brasileiros demoram mais de 1 hora, todos os dias, para chegar ao trabalho, enquanto 60% das empresas nunca sequer se preocuparam com esse tempo de deslocamento. Cuidar da mobilidade é cuidar, essencialmente, das pessoas. Da vida e do tempo delas. Em um cenário onde a mobilidade está sendo impactada pela tecnologia, com aplicativos disruptivos, soluções de compartilhamento, carros autônomos, drones e até veículos voadores, onde o ser humano está inserido nesse futuro? Por que repensar a mobilidade também é repensar o modelo tradicional de trabalho? É melhor nos prepararmos para um amanhã móvel, conectado, flexível e inteligente.

Quando tem alguém no leito da morte que você ama muito, o que mais você gostaria de ter? Quando você precisa se separar geograficamente de alguém que ama muito, antes de partir, o que você mais queria? Se você trabalha demais, chega à noite cansado e vê aquele seu filho de 4 anos dormindo e que não para de crescer. O que você mais queria poder ter? A resposta para todas essas perguntas é TEMPO. Alguém no seu leito de morte, para ter mais tempo, precisa de vida. Ficar mais tempo com alguém que ama e vai se separar é celebrar a vida. E o que você está perdendo por trabalhar demais é a vida do seu filho. Esse é o principal conceito que precisamos entender: Tempo é Vida. Assumir o controle do seu tempo e aprender a gerenciar o que importa é cuidar mais da sua vida. É valorizar, na essência, o que de fato importa.